A qualidade de vida de quem tem alergia respiratória

Quem possui algum tipo de alergia, muitas vezes, sofre com as suas manifestações, não é mesmo? No entanto, com alguns cuidados simples é possível que a qualidade de vida de quem tem alergia respiratória seja melhor.

É sabido que a herança genética desempenha um papel importante nas alergias. As chances de uma pessoa desenvolver asma ou rinite quando os pais têm alergia é de 40%. Então, se a sua situação é essa, mas você ainda não desenvolveu algum tipo de alergia, é preciso ficar alerta.

Mesmo que os fatores que determinam as crises sejam diferentes de pessoa para pessoa, há cuidados gerais que devem ser levados em conta tanto por quem já desenvolveu ou não algum tipo de alergia, mas possui histórico familiar favorável a isso.

Quer saber dicas imperdíveis para melhorar a qualidade de vida de quem tem alergia respiratória? Então, acompanhe nosso post de hoje!

1. Cuidados com o quarto são fundamentais

De acordo com a Associação Brasileira de Alergia e Imunologia do Rio de Janeiro (ASBAI-RJ), em uma casa, o quarto é o ambiente que merece mais atenção quando falamos de problemas respiratórios.

Como é nele que as pessoas passam em média oito horas ao dia (tempo de sono), é preciso ter um cuidado especial, por exemplo, com a roupa de cama, que deve ser de TNT ou Poliruetano e trocada semanalmente.

Além disso, retirar do quarto elementos que acumulam poeira, como cortinas, bichos de pelúcia, tapete e carpete também é recomendado, da mesma forma que manter o ambiente sempre arejado. Essas são dicas simples e práticas para melhorar a qualidade de vida de quem tem alergia respiratória.

2. A qualidade de vida de quem tem alergia respiratória e a refrigeração dos ambientes

Para respirar melhor, os ambientes da casa precisam estar sempre arejados. No entanto, há momentos em que é necessário recorrer a uma ajudinha para refrescar o local, certo? Eis que vem a dúvida entre usar o ventilador ou o ar-condicionado.

Para quem é alérgico, o ventilador pode acumular poeira nas palhetas, colocar os ácaros em suspensão e os jogar no ar, tornando-o impuro para a aspiração. A limpeza diária do ventilador seria necessária para o uso adequado.

Já o ar-condicionado pode ressecar as vias respiratórias. Os refrigeradores de ar split, por exemplo, são recomendados para aqueles casos em que a alergia está controlada, caso contrário, melhor evitar sempre que possível. Se o uso for inevitável, manter sempre os filtros limpos.

3. Carpetes e cortinas: os vilões das alergias

Assim como as ventilações artificiais, carpetes e cortinas também são os vilões da qualidade de vida de quem tem alergia respiratória.

Nesse caso, deve-se dar preferência para a não utilização desses itens, pois eles são acumuladores de ácaros e poeira – dois verdadeiros venenos para quem tem alergia respiratória. Agora, caso os carpetes e cortinas fiquem nos ambientes, é essencial manter uma limpeza constante.

4. Perfume dos produtos de limpeza: problema para quem possui alergia respiratória

Outra medida que pode ser tomada por pessoas alérgicas e que ajudam a prevenir que crises ocorram é comprar produtos de limpeza neutros e sem cheiro.

O cheiro forte pode causar alergia e intensificar problemas respiratórios, principalmente em crianças alérgicas.

5. Piso adequado também ajuda na qualidade de vida de quem tem alergia respiratória

Os tipos de piso indicados são o frio, de cerâmica ou de rejunte estreito. Para locais com crianças que sofrem com alergia, os pisos emborrachados são bastante indicados por ser mais seguros e acumular menos ácaros.

6. Animal de estimação fora do quarto é um santo remédio

Animais de estimação no quarto de alérgicos é um convite para uma crise. Para quem possui alergia respiratória, o contato com os pelos de cães ou gatos pode ser bastante prejudicial.

Além disso, outra dica final: em caso de uma crise alérgica, evite se automedicar e procure um médico alergologista

Com essas atitudes simples, é possível garantir uma boa qualidade de vida de quem tem alergia respiratória. E você, costuma adotar alguma delas? Conte para gente nos comentários e até a próxima!

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *