Como funcionam os testes para alergia?

Quando o médico desconfia que o paciente tem algum problema alérgico, ele pede que sejam feitos testes cutâneos para alergia. São exames simples, rápidos, seguros e de alta sensibilidade que servem para confirmar uma suspeita clínica de alergia a determinado agente.

No entanto, você sabe como funcionam os testes para alergia? No artigo de hoje você vai aprender tudo sobre o assunto. Acompanhe. 

Quais são os tipos de testes para alergia?

Há vários testes cutâneos para alergia, e os mais frequentes são:

Teste de Puntura ou Prick Teste

O teste de puntura ou prick test é indicado para detectar suspeita de alergia respiratória e alimentares. O exame detecta a alergia a vários agentes, como inalantes (pelos de animais, ácaros da poeira, fungos, baratas, etc.), alguns alimentos, como frutas, cacau, ovo, leite, cereais, etc.,  venenos de insetos, tipos de medicamentos e látex.

Teste de Contato ou Patch Teste

O teste alérgico de contato é feito para diagnosticar as alergias de pele. Neste tipo de teste, por exemplo, é possível identificar até se o paciente tem alergia do esmalte que usa.

Como são feitos os testes cutâneos?

No teste de puntura ou prick test é aplicada uma gota da substância antigênica sobre a pele do paciente. Essa gota é transpassada por um instrumento perfurante, como um puntor ou lanceta.

O instrumento atinge a camada superior da pele e rompe a epiderme, deixando um pequeno orifício por onde penetra o antígeno. Se o paciente apresentar uma elevação avermelhada na pele, como se fosse a picada de um mosquito, o resultado do teste é positivo a substância testada, o resultado fica pronto entre 15 a 20 minutos.

Para realizar o teste de contato, um alérgeno contactante é colocado em contato com a pele do paciente e preso com o esparadrapo. O alérgeno é retirado após 48 horas para ser realizada a primeira leitura. Após isso, o paciente pode retornar 24 horas depois para uma avaliação final, se necessário.

O médico também pode pedir ao paciente para que ele exponha a área em raios ultravioletas.

Como se preparar para o teste de alergia?

A preparação para o teste de alergia deve começar uma semana antes do exame.  O paciente deve eliminar o uso de anti-histamínicos, (dexcloferinamina e corticoide oral), pois eles podem interferir nos resultados dos exames.

Ainda é preciso evitar a aplicação de cremes na pele, pois esses produtos podem influenciar o resultado do teste e evitar também o uso de antidepressivos.

O paciente também tem que informar ao médico a presença de lesões de pele extensas, como dermatite atópica, dermografismo (tipo de alergia de pele), distúrbios de coagulação e história de anafilaxia com o alérgeno testado.

Além destas recomendações, o médico alergologista poderá fazer outras orientações específicas para que a causa da alergia seja corretamente diagnosticada.

Viu como os testes para alergia são simples e rápidos? Tem mais alguma dúvida sobre os exames? Escreva para gente nos comentários e até a próxima.

Compartilhe:

2 thoughts on “Como funcionam os testes para alergia?”

  1. Há 5 dias comecei a sentir uma forte coceira no corpo acompanhada de manchas vermelhas por algumas partes do corpo. já tomei vários anti-alérgicos de inicio os sintomas somem, mais voltam tudo de novo, principalmente a noite quando eu vou dormir e também quando eu acordo pela manha. não sei mais que medicamento tomar para acabar com esse problema. o que devo fazer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *